Janaína: “Alterar material apresentado como prova de um alegado crime é grave”

Janaína Paschoal, heroína do impeachment e deputada estadual pelo estado de São Paulo, usou o Twitter para comentar os erros de “edição” presentes nos “vazamentos” recentes de Glenn Greenwald.

“Alterar material apresentado como prova de um alegado crime é grave. Pode até caracterizar um crime de verdade.”, disse ela.

Relacionados:  Foragido da Lava Jato quer processar Moro por ter sido chamado de "lavador de dinheiro profissional"

Aos poucos, a verdade vem à tona.

Relacionados:  Fachin derruba decisão de Toffoli que entregaria de dados da Lava Jato a Augusto Aras