Barroso caracteriza mensagens criminosas atribuídas a Moro como “Ataque criminoso”

O ministro Luís Roberto Barroso, do STF, foi bastante enfático ao declarar que o vazamento de supostas mensagens trocadas por Moro e Dallagnol são fruto de “ataque criminoso”.

“Certamente ocorreu ataque criminoso. Certamente, não tem nenhuma dúvida”, disse Barroso.

Questionado sobre o conteúdo das mensagens, Barroso deu mais um tiro certeiro: “Estou no momento prévio do ataque criminoso. Eu sou juiz, juiz fala ao final da apuração, não no início”.

Com informação dO Antagonista.