Juíza Gabriela Hardt vai processar criminalmente os vazadores

A juíza Gabriela Hardt, que substituiu Moro e condenou Lula pela segunda vez, também foi alvo de ataques de hackers juntamente com a força-tarefa da Lava Jato e o ministro Sergio Moro.

Gabriela, no entanto, já deixou claro que vai resolver a situação criminalmente caso suas informações privadas sejam vazadas por quem quer que seja.

O artigo 10 da lei 9.296/96 afirma que “constitui crime realizar interceptação de comunicações telefônicas, de informática ou telemática, ou quebrar segredo de justiça, sem autorização judicial ou com objetivos não autorizados em lei”.

Relacionados:  Advogados anti-Lava Jato se unem para proteger Glenn Greenwald

Com informação do Renova Mídia.