Advogado de Adélio volta atrás e nega que emissoras pagam honorários

Zanone de Oliveira, o advogado de Adélio Bispo, revelou mais cedo que algumas emissoras de televisão estariam pagando suas despesas na defesa do ex-PSOL que atentou contra a vida de Bolsonaro.

Disse ele: “Tirando aquele primeiro contato, em que a pessoa me pagou no interior do meu escritório, a partir daí todas as despesas foram bancadas por algumas emissoras de televisão”.

Relacionados:  Bolsonaro: "Alguém acredita que o PT está preocupado com a verdade?"

Porém, ele voltou atrás e resolveu refazer a afirmação, acompanhando-a de uma explicação. “As emissoras de TV, rádio e até veículos de imprensa me convidam para dar entrevistas. Pagam passagem, hotel, jantar. Eu falei em despesas, custas, não honorários”

Relacionados:  Bolsonaro: "Dói na alma ver brasileiros não enxergando a campanha fabricada contra a nossa soberania na região"

Com informação dO Antagonista.