Prestes a ser preso, Dirceu admite: “Fomos derrotados nas ruas e nas urnas”

Apesar de ter sido condenado várias vezes, o petista José Dirceu segue solto, embora por pouco tempo, visto que seu novo mandado de prisão já foi expedido.

Durante uma festa em comemoração aos 39 anos do PT, Dirceu comentou a situação atual do país.

“Se nós não estamos do lado do povo, os evangélicos estão. E não podemos criticar os evangélicos. Nós fizemos política com os católicos, os bispos, as comunidades de base, as pastorais, nos anos 70, 80, 90…A classe trabalhadora da qual o PT é originário não existe mais. Fomos derrotados nas ruas e nas urnas. Temos base política e social forte, mas não temos o povo organizado.”

Com informação dO Antagonista.

8 Comentários em Prestes a ser preso, Dirceu admite: “Fomos derrotados nas ruas e nas urnas”

  1. Dr. Moro: Deus o abençoe e à sua família! Acredito em v.excia. Mas enquanto existir imunidade parlamentar o trabalho para prender esses corruptos será custoso.

  2. Admitir a derrota não significa desistência, mas sim reestruturação. Eles querem se reorganizar. Direitistas: vencemos algumas batalha mas a guerra ainda não acabou. Que Deus nos ajude.

  3. Pior que o LULLARÁPIO !

    Esse comunista com graduação cubana, é um estrategista. Já que no Brasil não há pena-de-morte, esse guerrilheiro-comunista deveria estar preso e incomunicável.
    Não vale as fezes que defeca.

    “BRASIL ACIMA DE TUDO …DEUS ACIMA DE TODOS”

  4. O que interessa ao Brasil que trabalha e paga impostos, opinião deste notório ex terrorista e ex politico corrupto,e que NÃO MERECE esta farsa midiática política cansativa diária, não é mesmo?

Deixe uma resposta