Haddad tenta ‘lacrar’ e toma invertida de Jornalista: “Andou tendo aulas de lógica com Dilma”

Fernando Haddad acabou tomando uma resposta acachapante. O petista tentou lacrar atacando Bolsonaro, como tem feito desde a campanha, e o ritmo não diminuiu quando foi derrotado.

Disse ele: “A cada dia, o próprio governo vai dilapidando o seu patrimônio eleitoral. Não há nenhuma diferença entre o que o Bolsonaro faz e o que o Temer tentou fazer. É a mesma agenda econômica: corte de direito social, direito trabalhista e direito previdenciário. É um governo antipopular e antinacional. Nós não vamos ter paz e justiça enquanto Lula estiver preso”.

Acontece que, Augusto Nunes numa brilhante análise, desmontou o discurso de Haddad e ainda o categorizou como ‘discípulo’ de Dilma: “Fernando Haddad, sem emprego conhecido desde outubro, reforçando a suspeita de que andou tendo aulas de lógica com Dilma Rousseff ao afirmar que o governo Bolsonaro é ruim e a reforma da Previdência não pode ser aprovada porque Lula está preso”.

Relacionados:  Justiça diz que ex-PSOL que atentou contra Bolsonaro tem doença mental e não pode ser punido

Com informação da Veja.