Moro abre o jogo e fala sobre redução de pena de Lula

Durante uma entrevista concedida à Jovem Pan, o ministro Sergio Moro comentou sobre a recente redução de pena de Lula.

“Esse tema da fixação da pena não permite muita matemática objetiva, então é muito comum que juízes divirjam pontualmente”, explicou ele. E continuou “Estou absolutamente tranquilo com essa situação”.

Sergio Moro ainda esclareceu que Lula é um assunto que pertence ao seu passado, e que o momento é propício para se olhar para a frente.

“Não gosto de comentar a questão do ex-presidente, ele faz parte do meu passado e eu particularmente quero olhar para frente. É um assunto que não me agrada”, confessou Moro. “Não porque acho que não tenha feito a coisa certa, mas porque já fiz a minha parte em relação a esse tema” finalizou o ministro.

Com informação da Jovem Pan

7 Comentários em Moro abre o jogo e fala sobre redução de pena de Lula

  1. vendo estas manchetes e olhando outra cara esse pessoal da esquerda como eles se alto proclamam são uns parasitas para nosso país vergonha nacional que está repercutindo em todo mundo que vergonha

  2. Fora todos os ministros irresponsáveis e canalhas do STF: Por ordem de periculosidade: 1) Dias Toffoli (mesada de 100 mil, propina do Grupo Globo x Odebrecht de 89 milhões à investigar); 2) Gilmar Mendes (o libertador de corruptos e propinas à investigar); 3) Lewandowski (pisou na constituição n vezes, um deles é o caso Dilma e propinas à investigar); 4) MAM (tentou libertar o maior ladrão de todos os tempos, um canalha e bandido que saqueou uma nação com 205 milhões de brasileiros, e ainda, esse togado pilantra, libertaria 160 mil bandidos de todas as estirpes); 5) Alexandre Moraes (conhecido como ex advogado do PCC, tentou acabar com a liberdade de imprensa e ferir a democracia colocando mordaça no povo, afim de salvar a pele do comparsa Toffoli, o mensaleiro); Celso de Melo (um cara velho que apesar da idade, não aprendeu nada como moralidade, caráter, patriotismo, bons princípios e lealdade como o seu país, tudo isso, pelo simples fato de ser mais um famigerado sem noção que vive tentando soltar o maior ladrão e traidor da pátria. Com exceção do Luis Barroso, o resto é descartável por prevaricação, omissão, cumplicidade e acima de tudo, inutilidade que custa um valor absurdo para mantê-los como representantes do tribunal mais vergonhoso do plano. Bando de desqualificado e inúteis.

    Todos dessa corja foram indicados por presidentes corruptos: Sarney, Collor, o canalha FHC, Lula e Dilma. O que esperar dessa casa prostituída?

  3. Com relação ao último parágrafo, esqueci de mencionar o Temer, outro presidente corrupto que indicou outro togado nada produtivo, para acabar de vez com essa casa inútil denominada STF e por consequência a república do Brasil.

    Estamos a mercê da sorte. Não acredito nacatual Forças Armadas. Motivos não faltam para intervirem. Essa é a única solução para colocar o Brasil nos trilhos e acabar de vez com o comunismo e a corrupção. Sei que é difícil transformar o Brasil em um país como Canadá ou até mesmo como os EUA, pelo simples fato desse povo ter um DNA que tem, salvo as exceções. Um exemplo disso é não ter patriotismo; não ter cultura e visão política; não ter seriedade e tudo é motivo para piadas; não ter orientação e educação sobre civismo, cidadania, respeito para com o próximo e integridade. Só um passe de mágica ou um dilúvio bíblico para recomeçar uma nova geração de seres humanos e ainda assim não é certo. Gente ruim não morre.

Deixe uma resposta