Michelle Bolsonaro quer que escolas ensinem LIBRAS

Michelle

A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, concedeu uma entrevista em Libras ao canal TV INES e defendeu a inclusão do ensino de Libras, a linguagem brasileira de sinais, no currículo escolar.

“Essa é minha luta, é minha bandeira. Eu acredito que nós vamos conseguir inserir a Libras na grade curricular. Eu estou em contato com os ministros, estou em contato com o MEC” disse a primeira-dama.

“Hoje nós já temos a Diretoria de políticas de educação bilíngue de surdos no MEC, que não existia antes. Então isso vai ajudar, vai ter um impacto muito grande na acessibilidade”, acrescentou Michelle.

Relacionados:  Lava Jato do MEC: Bolsonaro promete combater "avanço da fábrica de militantes"

“Foi um compromisso que eu firmei com o governo de ajudar as pessoas com deficiência e a comunidade surda. Isso já era um compromisso também no Plano de Governo do meu esposo, de ampliar a acessibilidade. Então, assim, foi algo inexplicável poder estar incluindo os surdos em um momento tão importante para o nosso Brasil”.

Relacionados:  Michelle Bolsonaro anuncia contratação de 2 mil pessoas com deficiência na Caixa

“Eu tenho o sonho de uma sociedade inclusiva e de um Brasil bilíngue verdadeiramente” concluiu.