Estrategista, Bolsonaro age e impede paralisação dos caminhoneiros

Ao que aprece, o governo obteve uma importante vitória na reunião com os caminhoneiros.

O comando da reunião ficou com ministro Tarcísio Gomes de Freitas, e contou com o líder dos caminhoneiros Dedeco e representantes da Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA) e ao fim foi anunciado o fim da possível paralisação.

O ministro afirmou que fará a lei do piso mínimo valer, e pediu que os caminheiros auxiliem na fiscalização, indicando empresas que descumpram as regras.

Relacionados:  Estrategista militar, Bolsonaro dá golpe certeiro no PT

O governo também eliminará “multas desnecessárias”, além de transferir o custo do diesel para a tabela de frete.

Com informação dO Antagonista.