Professora Heley, que salvou crianças de atentado, receberá honraria do Estado de Minas Gerais

O governador Romeu Zema decidiu homenagear a professora Heley de Abreu Silva Batista com uma grande honraria do Estado de Minas Gerais: A Grande Medalha da Inconfidência.

Infelizmente a homenagem será póstuma, visto que Heley morreu em 2017 após salvar dezenas de crianças de um incêndio criminoso numa creche em Janaúba (540 km da capital Belo Horizonte).

Na mesma cerimônia Bolsonaro também será homenageado com o Grande Colar da Inconfidência, está a maior honraria do Estado.

Em 2018, durante a gestão do petista Fernando Pimentel, homenagens foram concedidas a Marielle Franco, o motorista Anderson Gomes, e o petista Lindbergh Farias. Mas Heley, que inclusive é mineira, ficou esquecida.

Com informaçõs do R7.