Professora Heley, que salvou crianças de atentado, receberá honraria do Estado de Minas Gerais

O governador Romeu Zema decidiu homenagear a professora Heley de Abreu Silva Batista com uma grande honraria do Estado de Minas Gerais: A Grande Medalha da Inconfidência.

Infelizmente a homenagem será póstuma, visto que Heley morreu em 2017 após salvar dezenas de crianças de um incêndio criminoso numa creche em Janaúba (540 km da capital Belo Horizonte).

Relacionados:  Ex-governador petista, Fernando Pimentel, vira réu por lavagem de dinheiro

Na mesma cerimônia Bolsonaro também será homenageado com o Grande Colar da Inconfidência, está a maior honraria do Estado.

Em 2018, durante a gestão do petista Fernando Pimentel, homenagens foram concedidas a Marielle Franco, o motorista Anderson Gomes, e o petista Lindbergh Farias. Mas Heley, que inclusive é mineira, ficou esquecida.

Relacionados:  Moro celebra apreensão de verdadeiro arsenal de guerra pela PRF em Minas Gerais

Com informaçõs do R7.