Governo define que meritocracia será o critério de reajuste de funcionários públicos

O ministro Paulo Guedes definiu, em reunião com membros do Ministério da Economia que a meritocracia será o novo critério de reajuste de funcionários públicos.

Ainda não foi definido como será feita a transição, mas os técnicos do Ministérios buscam uma forma eficaz e segura de aplicar as mudanças.

“Ele é um servidor, e seu serviço precisa ser avaliado por quem paga os impostos para receber um bom serviço público” explicou Guedes.

Na sequencia, o ministro ainda se mostrou contrário ao tratamento por “vossa excelência”: “Aqui não tem excelência alguma, tem servidor público”.

Com informação do G1 e do MBLNews.

9 Comentários em Governo define que meritocracia será o critério de reajuste de funcionários públicos

  1. ÓTIMO – ÓTIMO – Sempre a meritocracia precisa premiar e reconhecer –
    MESMO NA FIRMA PUBLICA!! SE ISSO ACONTECE NÃO PRECISA VENDER A ESPECULADORES E JOGAR E PERDER DINHEIRO PUBLICO

  2. SE A MERITOCRACIA SERÁ O CRITÉRIO PARA REEAJUSTE DOS SERVIDORES PÚBLICOS, A CAMARA FEDERAL, O SENADO FEDERAL E O SUPERIOR TRIBUNAL FERAL, TERÃO REAJUSTE “zero” durante todo o mandato de Bolsonaro. são incompetentes, prepotentes preguiçosos e energúmenos.

  3. Deveriam baixar um decreto assim: Estar extinto o serviço publico no Brasil,pq td mazela e culpa dos funcionários públicos.

  4. Francisco Caselli. Explica melhor isso ai? O funcionário público é responsável pelo péssimo país que vivemos ? Interessante sua teoria …..

Deixe uma resposta