Maduro lamenta 1 ano de prisão de Lula e toma resposta acachapante de Eduardo Bolsonaro

O ditador Nicolás Maduro usou o Twitter para lamentar que seu aliado Lula esteja preso há 1 ano.

“Um ano da prisão injusta de nosso irmão Lula, eu me junto às vozes livres do mundo que clamam por justiça e um fim à perseguição. Vamos povo brasileiro! força e coragem para continuar na luta pela dignidade da Pátria Grande”.

A hipocrisia é tamanha, que Maduro se recusa a ouvir os clamores por Justiça e liberdade de seu povo, esse sim perseguido, e do alto de sua tirania saí em defesa do criminoso brasileiro que sempre o defendeu.

Relacionados:  General Heleno: "Paulo Guedes é brilhante"

O deputado federal Eduardo Bolsonaro, no entanto, rebateu os comentários do ditador.

Disse ele: “lha quem declarou apoio ao Lula falando em “um ano de injustiça”…”