Lula usa tese de Moro para tentar ter pena reduzida, diz Revista

A defesa de Lula partiu para um movimento bastante interessante na última semana.

Baseando-se numa tese do próprio Sergio Moro, quando este ainda estava como juiz auxiliar no gabinete de Rosa Weber, os advogados de Lula resolveram mudar a condenação de Lula apenas para o crime de corrupção passiva..

Segundo a jornalista Carolina Brígido, para a revista Época:

“Na Lava Jato, Lula também foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no episódio do tríplex. A decisão foi de Moro, quando estava à frente da 13ª Vara Federal de Curitiba. Em recurso, a defesa alega que não houve lavagem, apenas o primeiro crime, nos moldes da tese desenvolvida pelo STF no mensalão. Em caráter reservado, ministros do Supremo dizem que a teoria cabe perfeitamente ao caso de Lula. “

A ideia, como ocorreu na época, é a seguinte. Em 2012 o ex-deputado federal do PT, João Paulo Cunha, quando condenado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, acabou por ser absolvido, graças é claro, ao entendimento do STF de que a lavagem de dinheiro foi apenas uma consequência do crime de corrupção.

Com informação da Época.

Para ler a matéria na íntegra, clique aqui

3 Comentários em Lula usa tese de Moro para tentar ter pena reduzida, diz Revista

  1. Esse vagabundo miserável ladrão nega, mas as provas são contundentes e o BNDES vem aí criminoso LULADRÃO. CELSO DANIEL IN MEMORIUM.

  2. confessar depois que já foi condenado não deveria beneficiar o infrator, afinal, as provas já bastam para mantê-lo preso, a confissão dele não altera nada

Deixe uma resposta