Grupo terrorista Hamas chama Flávio Bolsonaro de “filho de extremista”

Um fato bastante bizarro aconteceu recentemente envolvendo Flávio Bolsonaro, Israel e o Hamas.

Conforme todo o mundo soube, Flávio Bolsonaro fez um tuíte contra o Hamas, que vinha se posicionando de maneira contrária à aproximação de Bolsonaro e Israel.

“Quem que vocês se explodam” disse o senador no tuíte, que depois foi apagado.

Acontece que agora, o Hamas, uma organização terrorista totalmente extremista resolveu chamar Flávio de… “filho de extremista”…

“O filho do extremista presidente brasileiro está atacando o Hamas porque rejeitamos o apoio ilimitado do novo governo brasileiro à ocupação israelense, que é uma contradição ao apoio histórico do Brasil ao povo palestino” disse Basim Naim, presidente do Conselho de Relações Internacionais do Hamas, no Twitter.

Com informação dO Antagonista.