Justiça condena promotor que chamou Lula de “encantador de burros”

A justiça de São Bernardo do Campo resolveu condenar o promotor Cassio Roberto Conserino a pagar R$ 60 mil de indenização por danos morais a Lula.

O motivo foi uma postagem de Facebook na qual o promotor chamou o petista de “encantador de Burros”.

O juiz afirmou, em decisão, que percebeu a “nítida intenção calculada e provocativa de humilhar, menoscabar e desprezar, (…) , já que a figura do ‘burro’ é notoriamente associada à falta de inteligência”.

Com informações dO Antagonista

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

7 Comentários em Justiça condena promotor que chamou Lula de “encantador de burros”

  1. Acho que juiz se enganou nesta resolução.
    Promotor não chamou lula de burro.
    Ele chamou até a si próprio de burro pois ficamos mais de 16 anos com ele é Dilma no comando da nação e ficamos dormindo.

  2. Fiquei com pena desse promotor, espero que possa recorrer dessa decisão estupida, alem do que, a indenização é muito alta, eu já tive problemas piores e o Juiz me disse ou eu fazia um acordo por R$ 2.500,00 ou iria para julgamento e ele não daria mais que R$ 1.000,00. Assim procede o nosso judiciário, desculpe-me a expressão “judiciário de merda”.

Deixe uma resposta