Moro expulsa 22 criminosos estrangeiros do Brasil

O ministro Sergio Moro, responsável pela Justiça e pela Segurança Pública, expulsou 22 estrangeiros condenados que viviam em terrar tupiniquins.

São eles: Três bolivianos, dois peruanos, dois angolanos, dois portugueses, um colombiano, um alemão, uma russa, um romeno, um holandês, um espanhol, um paraguaio, um namibiano, um sul-africano, um nigeriano, um congolense, um filipino e um inglês.

Conforme noticiado pelo República de Curitiba, em janeiro, Moro já havia extraditado 11 criminosos. Agora a conta tem um resultado maior.

10 Comentários em Moro expulsa 22 criminosos estrangeiros do Brasil

  1. Moro, esse é o Ministro que acredito, todos os Brasileiros que votaram em Bolsonaro queriam. É isso, vê se da um jeito de expulsar os comunistas daqui também, é fácil, a constituição deveria ter sido revista e não o foi, se ainda der tempo, basta colocar um pequeno item nela, proibindo ideologias comunistas. Salvo engano, me parece que li que algum pais já fez isso.

    • Parabens ministro Sérgio Moro pelo grande trabalho de faxina q iniciou e esperamos que continue assim, passando o nosso Brasil 🇧🇷 a limpo de todo tipo de criminosos 💚💛💖

Deixe uma resposta