Governo Bolsonaro já conta com mais de 100 militares

Um levantamento feito pelo Estadão mostrou que o atual número de militares no governo Bolsonaro chega a 103. São cargos comissionados de ministérios, bancos, autarquias, institutos e estatais.

Para o ministro Ricardo Salles os militares são uma boa opção: “Somos nós que pedimos as indicações e que eles venham. Não são eles se impondo” disse ele, e continuou: “Há uma gama enorme de cargos de confiança, muito mal preenchidos, muitos deles aparelhados, ou com grau de comportamento questionável”.

O cientista político Hussein Kalout também disse que vê a questão como “legítima”. “Falar em aparelhamento me parece prematuro. O partido do presidente não possui uma estrutura orgânica e coesa. Há escassez de quadros. E, como o presidente não quer nomear gente apadrinhada pelo sistema político, é legítimo, nesse contexto, se servir de profissionais oriundos das Forças Armadas, provenientes de algumas das melhores instituições de ensino e pesquisa do país”.

E continuou: “A chave dessa equação reside em duas avaliações, uma quantitativa e a outra qualitativa. Primeiro, do universo dos servidores nomeados, qual é a proporção de militares indicados? Não creio que seja assim tão expressivo. E, segundo, as pessoas indicadas possuem a formação, a competência e as qualificações necessárias? Temos que julgar as pessoas pela sua capacidade e pelo seus resultados”.

Com informações do Estadão e dO Antagonista.

1 Comentário em Governo Bolsonaro já conta com mais de 100 militares

Deixe uma resposta