Justiça determina bloqueio de R$ 11,5 milhões de Aécio Neves

A Justiça de Belo Horizonte atendeu ao pedido do MPE de Minas e determinou o bloqueio de R$ 11,5 milhões do tucano Aécio Neves.

A ação do Ministério Público apontou enriquecimento ilícito e improbidade administrativa por parte de Aécio quando ainda era governador do estado.

Para a Justiça, Aécio “utilizou da máquina pública, quando na função de Governador de Estado, para fins escusos, realizando mais de 1.000 viagens em aeronaves oficiais sem justificar a finalidade. Dessa forma, o requerido ignorou o principio da Publicidade e da Probidade da Administração Pública, utilizando-se de dinheiro público em benefício próprio”.

Informação do R7

4 Comentários em Justiça determina bloqueio de R$ 11,5 milhões de Aécio Neves

  1. PARABENS. Tem mesmo que mexer no bolso desses pilantras usurpadores da posição a que o povo os levou. O bolso é a parte mais sensível, alem de garantir um ressarcimento adequado.

  2. Já passou da hora de mandar prender este e os outros ladrões como : Katia Abreu , Renan , Toffoli , José Dirceu ,Ciro Gomes , Gleyce Rofman ,e mais uns 5 ministros do supremo tribunal.

  3. chi chi com coco bosta estrume ,é reaLMENTE MUITO FEDIDO e nao da pra mudar , veja esse cara agora é deputado federal com foro privilegiado e nao se pode fazer nada com ele é como chi chi com bosta merda estrume coco de cachorro misturado é mal cheiroso e qto mais velho pior

Deixe uma resposta