Mídia, em desespero por ter sido desmascarada, agora tenta até ligar Bolsonaro a morte de Marielle

O jornalismo brasileiro realmente morreu. Uma das profissões mais nobres de todos os tempos, foi, pouco a pouco, entrando em colapso ao propagar inverdades com o intuito de destruir reputações e proteger ideais e políticos alinhados com as ideologias defendidas pelo militantes alocados nas redações.

A grande mídia cavou tantos buracos para incriminar aqueles que não estão alinhados com seus ideais progressistas, que acabou por cair em uma das covas, e lá permaneceu sem jamais ter algum contato com a luz e, consequentemente, com a verdade.

Para quem duvidava que depois das fakenews sobre os disparos massivos de WhatsApp, caso ‘denunciado’ há mais de 3 meses e que segue até hoje sem apresentar uma prova sequer, era o fundo do poço das inverdades, eis que surge a mais suja das facetas.

Grandes canais, novamente sem apresentar uma singela prova, tentam ligar Flávio Bolsonaro à morte de Marielle Franco do PSOL, numa atitude imprudente e perniciosa, que visa somente destruir a reputação do presidente Bolsonaro e seus filhos.

Aos brasileiros de bem, além de todo o boicote devidamente necessário aos veículos de comunicação que faltam com a verdade, resta também aguardar que a resposta seja dada judicialmente, pois tal acusação, sem nenhum fundamento documental, não pode ficar impune.

A companheira de Marielle também aproveitou para acusar o Presidente da República de ser “cúmplice” do assassinato. “Um presidente, um homem que está no principal cargo de poder, não se manifestar a respeito de um dos assassinatos políticos mais violentos da história do país, é no mínimo conivente” disse ela em entrevista para a rádio francesa RFI.

O porém mais intrigante de toda essa história, é que Bolsonaro foi quase morto comprovadamente por um ex-militante do PSOL. Um homem que teve um registro de entrada na Câmara dos Deputados no mesmo dia em que cravou a faca no candidato à presidência. Ou seja, comprovadamente recebeu ajuda de alguém de dentro da Casa. Mas a mídia ignora.

 

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

11 Comentários em Mídia, em desespero por ter sido desmascarada, agora tenta até ligar Bolsonaro a morte de Marielle

  1. Já passou da hora do governo Bolsonaro dar um basta nessa mídia esquerdista que procura, de todos os meios, desqualificar a família Bolsonaro. Não estamos tratando de coisas corriqueiras, coisas sem importância. Estamos presenciando um ataque raivoso da esquerda contra o governo democraticamente eleito, comprometendo dessa forma a governabilidade do País. Faz-se necessário um basta ! Ponha-se toda a PF no calcanhar dos esquerdopatas e da mídia golpista. Fechem a Globo, a Folha de São Paulo, etc…etc…
    Se não der um basta nisso tudo, o Brasil estagnará !!!

    BRASIL ACIMA DE TUDO !!! DEUS ACIMA DE TODOS !!!

  2. O BRASIL TEM QUE ACABAR COM A GLOBOSTA URGENTEMENTE, ESSA TV É SUJA DEMAIS E PIOR DEIXOU QUE O PT ROUBASSE MUITO PORQUE GANHAVA TAMBÉM É SUJA DEMAIS, É UMA MÁFIA SUJA,O PSOL E PT SÃO OS VERDADEIROS CRIMINOSOS AI TEM E TEM COISA FEIA

  3. Essa Sapatão não sabe que, a função do presidente não é correr atrás de criminoso. Se assim fosse ele estaria procurando quem o mandou mata-lo. Parece que a perseguição em cima do presidente está longe de parar.
    O Brasil foi governado por 16 anos em cima de mentiras e corrupção e, parece que parte do povo totalmente ignorante acostumou-se com isso.

  4. A bíblia diz que Satanás virá para abocanhar mais almas impuras, volto a dizer, ele já soltou seus cães do inferno na mídia brasileira e nos esquerdopatas que estão por ai para quando vier já ter milhões de seguidores, e ao que parece já tem 45 milhões só no Brasil. Eu acredito que mais adiante Bolsonaro em nome de Deus irá providenciar um “Basta” nisso tudo, a Globo e outras mídias já estão se afundando sozinhas o que significa que Deus já esta tomando suas providencias pois temos outros 57 milhões de cristãos ao lado D”ELE, o que supera os cães que o inferno soltou por ai. Deus seja Louvado, a verdade prevalecerá.

  5. Como previ serao 4 anos de instabilidade, Acredito que Bolsonaro terá que agir rapido, uma maneira seria sacrificar o Flavio, aprovar as reformas mais importantes rapidamente, enquanto direciona todo poder de fogo contra a Globo, Folha, Estado e midia lacradora e o MPF termina de enterrar o PT/PSOL/PCdoB com a delação do Palocci mas tem que ser rapido ou ele nao conseguira governar

Deixe uma resposta