Decisão de ministro Luiz Fux deve barrar candidatura de Renan Calheiros à Presidência do Senado

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, decidiu remeter à Justiça Federal de Brasília o pedido feito pelo MBL para impedir a candidatura de Renan Calheiros à presidência do Senado.

No pedido, o MBL afirma que, com Renan sendo alvo de 14 investigações, não tem idoneidade nem reputação ilibada.

A decisão do ministro pontuou que o STF não tem competência para analisar o assunto, deixando o futuro de Renan para ser decidido na primeira instância.

Caso a JF decida por vetar a candidatura do alagoano, ainda caberão recursos.

Informação dO Antagonista.

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

2 Comentários em Decisão de ministro Luiz Fux deve barrar candidatura de Renan Calheiros à Presidência do Senado

  1. Esse canalha deveria estar preso e não estar tentando se eleger presidente nesta casa que infelizmente ainda tem muitos ratos que apóiam esse pilantra. Isso é o fim do mundo. Em um país de primeiro mundo, esse verme estaria preso. Pelo amor de Deus. Cada dia que passa mais eu reforço a minha convicção de que o problema do Brasil está no DNA desse povo. Alagoanos cretinos e alienados, que reelegeram esse câncer maligno. Se esse bandido assumir a presidência do senado, de nada vai adiantar um governo promissor com um corpo de excelentes ministros que podem reverter toda desgraça que fizeram com o Brasil, inclusive, todas as reformas emergenciais, provavelmente, não serão aprovadas por esta casa. Isso tudo, sem falar nos projetos de lei anticorrupção.

Deixe uma resposta