General Heleno monta operação com 26 militares para proteger família de Bolsonaro no Rio

Para reforçar a segurança do presidente Jair Bolsonaro em viagens Rio de Janeiro, o GSI (Gabinete de Segurança Institucional) sob o comando de General Heleno designou 26 militares para um escritório da pasta na cidade. A medida foi publicada no Diário Oficial da União nesta 4ª feira (9).

Foram realocados oficiais do Exército e da Marinha de várias patentes. Os cargos serão de especialistas, assistentes, secretários e auxiliares, tudo para proteger o presidente Bolsonaro, que foi alvo de um atentado realizado por um ex-integrante do PSOL.

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

2 Comentários em General Heleno monta operação com 26 militares para proteger família de Bolsonaro no Rio

  1. Ótimo General, não se pode descuidar porque Bolsonaro possui muitos inimigos principalmente os esquerdistas que são capazes de qualquer coisa, principalmente para a retomada do poder que perderam pela roubalheira e má gestão pública. Esta proteção ao Presidente deve perdurar até o termino do seu mandato e quem sabe alem dele. Meus Parabéns pela atitude.

Deixe uma resposta