Sob forte esquema de segurança, Presidência realiza último ensaio de posse

No domingo (30) foi realizado o último ensaio para a posse de Jair Bolsonaro. O palco do evento, na Esplanada dos Ministérios, esteve sob forte esquema de segurança.

A expectativa do governo é de que 250 mil a 500 mil pessoas estejam presente na cerimônia oficial.

Foram usados figurantes para simular  os papéis das autoridades presentes, incluindo Jair Bolsonaro, a futura-primeira dama Michele Bolsonaro, o vice-presidente eleito Hamilton Mourão e sua esposa Paula.

O comandante do Gabinete de Segurança Institucional, General Sergio Etchegoyen, declarou que a festa “Será segura. Certamente, vamos ter o dia 1º para coroar o processo democrático que se iniciou lá atrás, no primeiro turno [das eleições]”.

A única questão ainda não definida é sobre o uso do tradicional Rolls-Royce conversível, fabricado em 1952. E de acordo com Etchegoyen, Bolsonaro decidirá na hora se usará o carro aberto ou desfilará num carro fechado, garantindo assim maior segurança.

Em informação do G1, a Secretaria de Segurança pública do Distrito Federal classificou a operação da cerimônia da posse como “o maior esquema de segurança já montado para um evento do tipo em Brasília”.

Informação do G1

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

1 Comentário em Sob forte esquema de segurança, Presidência realiza último ensaio de posse

  1. Com tantos comunistas odiando o Bolsonaro, ele deveria ir em carro fechado, nós que o elegemos queremos que ele viva, mesmo que faça pouco de suas promessas, afinal, com tanta oposição descarada é melhor prevenir do que remediar. Particularmente eu ainda espero que ele nos livres de todos os comunistas ainda que tenha que fechar o Congresso e expulsar todos os membros do STF, faxina geral e lata de lixo neles.

Deixe uma resposta