Moro declara que extradição do terrorista Battisti é “decisão acertada”

O futuro ministro da Justiça, Sergio Moro, declarou ser a favor da extradição de Cesare Battisti, o terrorista e assassino italiano que foi abraçado pela alta cúpula petista.

“Na minha avaliação o asilo foi concedido anos atrás foi por motivações político-partidárias e em boa hora isso foi revisto. Então não se pode tratar a cooperação jurídica internacional por critérios político-partidários. A decisão é acertada” declarou Moro.

Battisti vive no Brasil desde 2010, quando Lula, estando em seu último ano de mandato, vetou a extradição do terrorista.

Battisti, que atuava pelo grupo de extrema-esquerda “Proletários Unidos pelo Comunismo”, foi responsável pela morte de quatro pessoas e é aguardado na Itália para cumprir prisão perpétua.

Informação do Renova Mídia.

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta