Haddad é condenado a pagar R$ 79 mil por ofensa

Fernando Haddad, o petista derrotado na campanha presidencial, foi condenado a pagar R$ 79 mil para Edir Macedo a quem ofendeu durante uma entrevista.

Haddad, na época, afirmou que “Bolsonaro é o casamento do neoliberalismo desalmado, representado pelo Paulo Guedes, que corta direitos trabalhistas e sociais, com o fundamentalismo charlatão do Edir Macedo”.

Macedo afirmou que irá doar o valor para uma entidade que cuida de crianças com síndrome de Down, autismo e paralisia cerebral.

A defesa do petista afirmou que vai recorrer.

Informação da Folha.

3 Comentários em Haddad é condenado a pagar R$ 79 mil por ofensa

Deixe uma resposta