Jurista declara “STF perdeu a autoridade moral”

Famoso no meio jurídico e acadêmico, o advogado e professor aposentado Modesto Carvalhosa concedeu uma entrevista para a Gazeta do Povo falando sobre o recente caso envolvendo o ministro Ricardo Lewandowski e o pedido de impeachment inspirado pelo episódio.

Carvalhosa afirmou que Lewandoski cometeu abuso de autoridade de maneira “gravíssima”. E explicou a sua opinião:

“O caso é o seguinte: as instituições, assim como as pessoas, quando perdem a sua reputação é impossível voltar a tê-la. No caso do Supremo Tribunal Federal, todo o povo brasileiro sabe que ele perdeu a sua reputação.”

“Não é mais uma instituição legítima, não é uma instituição respeitável. Perdeu a sua autoridade moral, a sua autoridade em qualquer sentido. Ninguém respeita, do ponto de vista moral, as decisões deles [dos ministros]” afirmou o jurista.

“Foi lá o cidadão e expressou isso. Agora, ele [Lewandowski] acha que ao prender um cidadão por se manifestar vai mudar a opinião de 200 milhões de pessoas que pensam exatamente aquilo? É o fim do mundo, é um espírito que vai contra todos os princípios republicanos” finalizou.

Na última sexta-feira, Carvalhosa protocolou no Senado um pedido de impeachment contra o ministro Ricardo Lewandowski.

Informação da Gazeta do Povo.

Precisamos da sua ajuda. Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

6 Comentários em Jurista declara “STF perdeu a autoridade moral”

  1. O RENOMADO E FAMOSO POR SUA RETIDAÕ DE CARATER, O JURISTA
    CARVALHOSA DEVERIA PROTOCOLAR UM PEDIDO DE IMPECHEMENT
    COM SATANÁS POIS TODOS BRASILEIROS ESTÃO CARECAS DE SABER
    QUE OS MINISTROS DO STF SÃO INTOCAVEIS E SÓ O PODER DE SATANÁS
    PODE ROMOVER ELES, DIRETO PRO INFERNO.

    • Caro Getúlio. Vou discordar em parte de seu comentário. Entendo que ao invocar satanás para remover os ministros, querias intensificar a sombra malígna que domina o STF. Entretanto, quero alertá-lo que tais ministros estão à serviço do mal, portanto tal pedido não surtiria efeito, pois já estão cumprindo as ordens malígna. Sugiro, portanto, invocar o velho e justo Senhor Realmente Supremo, Deus.

  2. Parece que todos esqueceram que nós, o povo, pressionamos e derrubamos uma Presidente. Ele protocolou sim, e compete a nós pressionar ao máximo. Já estou conversando com os movimentos, o ideal é irmos às ruas novamente, pressão neles!

Deixe uma resposta