Após Lewandowski mandar prender crítico, MBL projeta “Vergonha STF” no prédio do Tribunal

O grupo ativista Movimento Brasil Livre resolveu protestar contra a atitude autoritária do ministro Ricardo Lewandowski que na manhã de terça-feira, ameaçou prender um crítico do STF.

O advogado Cristiano Caiado resolveu aproveitar o fato de que estava sentado próximo ao ministro, num voô que ia de São Paulo para Brasília e disse ao ministro que o “STF é uma vergonha”.

Lewandowski se irritou, pediu que um comissário de bordo chamasse a Polícia Federal, e ameaçou prender o manifestante.

O MBL respondeu projetando “VERGONHA STF” na parede do prédio do Tribunal.

Informação do MBLNews.

4 Comentários em Após Lewandowski mandar prender crítico, MBL projeta “Vergonha STF” no prédio do Tribunal

  1. ESSE QUE SE DIS ADVOGADO,DESACATOU O MINISTRO AO DESAFIAR LO, QUANDO ELE ADVERTE SE ELE QUERIA SER PRESO,ELE DESAFIA O MINISTRO A CHAMAR A PF…”ANARQUISTA VACILÃO,NÃO É ?” LoL.KKK

  2. O que esse advogado fez, certamente é o que faria a maioria da sociedade brasileira /// O que esse Ministro queria que lhe dissesse? Que lhe desse os parabéns pelas decisões absurdas que tem tomado a Suprema Corte? Santo Deus, aonde vamos parar com tanta prepotência? Custava a esse Ministro dialogar com esse advogado e procurar entender por que “a vergonha” ronda a maus alta corte de justiça do país? Ou será que os Ministro do Supremo não dialogam com povo, ou com advogados?

Deixe uma resposta para jorge alberto pozo camargo Cancelar resposta