Bolsonaro dispara “índio quer médico, quer dentista, quer televisão, quer internet”

Bolsonaro aproveitou o sábado para criticar a Funai. Para o presidente eleito, o órgão indigenista impede que o índio seja inserido na sociedade e tenha “um tratamento adequado”.

Diz Bolsonaro: “O índio quer médico, quer dentista, quer televisão, quer internet. Vamos proporcionar meios para que o índio seja igual a nós”.

O pronunciamento ocorreu após Bolsonaro participar da formatura dos novos oficiais do Exército em Resende, Rio de Janeiro.

Informação dO Antagonista.

Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

7 Comentários em Bolsonaro dispara “índio quer médico, quer dentista, quer televisão, quer internet”

  1. Ele pode continuar trabalhando na lavoura e produzindo seu próprio alimento ou artesanatos,como sempre fez enquanto se adapta a nova realidade,muitos já produzem e exportam o cafē maravilhoso me parece q é em Rondônia,modernizar sem matar a sua cultura!

  2. As terras indígenas, são riquíssimas no setor mineral como ouro, nióbio… só falta uma política seria de exploração, para civilização em definitivo dos nossos irmãos índios, eu acho tão bonito ver um índio formado ! desde que mantenham suas tradições.

  3. Concordo ,tem como inserir o índio na sociedade sim ,temos uma indígena no exército ,pq não pode ser uma médica,um advogado, um profissional.

  4. eu tenho um cunhado que indigena e não mora em aldeia e nem em reserva mora em campinas SP. trabalha em uma multinacional de vidros tem casa carro tudo comprado com o trabalho dele então é so o governo parar de ser baba e babaca que da tudo certo.

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.