CCR revela doação de R$ 3 milhões em caixa 2 para Gleisi

Em depoimento a promotores da área de Patrimônio Público e do GAECO, Grupo de Atuação Especial ao Crime Organizado, Renato do Valle, ex-presidente da CCR, declarou ter feito uma doação de R$ 3 milhões em caixa 2 para Gleisi Hoffmann.

Valle relatou que o valor teria sido solicitado pelo marido de Gleisi, Paulo Bernardo, na época ministro do Planejamento do governo Lula, e que foi enviado um intermediário para cuidar da entrega do dinheiro. Valle ainda afirmou que foram feitas parcelas devido ao alto valor.

O ex-presidente da CCR também afirmou que o, também petista, Aloizio Mercadante solicitou o mesmo valor, R$ 3 milhões, mas recebeu R$ 1,7 milhões. Na época Mercadante era senador.

O acordo de delação completo da CCR ainda sustenta que foram doados R$ 44 milhões, em valores atuais, para políticos. Os nomes estão sendo mantidos em sigilo, mas segundo informação da Folha, além dos petistas, os tucanos Geraldo Alckmin e José Serra, além do ministro de Temer, GIlberto Kassab, integram a lista.

Informação da Folha.

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.