Onyx vai sugerir a Bolsonaro a contratação de médicos venezuelanos refugiados

O ministro extraordinário do governo de transição do presidente eleito Jair Bolsonaro, Onyx Lorenzoni, fala à imprensa no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília.

O futuro Ministro da Casa Civil do Governo Bolsonaro afirmou a O Antagonista que fará a sugestão ao presidente de contratar médicos venezuelanos que sejam refugiados no Brasil.

A ideia de Lorenzoni, é primeiramente priorizar a contratação de brasileiros, mas que existam vagas a serem compostas por refugiados.

Ao que parece, existe validade na ideia, pois seria um meio prático e eficiente de integrar os refugiados na sociedade, cobrindo os buracos deixados pelos médicos cubanos e diminuindo a necessidade de ajuda para os refugiados, visto que esses poderão criar independência.

Informação dO Antagonista.

Siga-nos no Facebook

9 Comentários em Onyx vai sugerir a Bolsonaro a contratação de médicos venezuelanos refugiados

  1. Caro ONIX seria interessante tu ficar na tua e não propor coisas que vc nunca vai entender…Não desejamos trocar cubanos por venezuelanos..temos inúmeros médicos que desejam atender.. deixe os médicos e bolsonaro resolverem. OK. Dispensamos tuas ideias..ficar calado já é um auxilio.

  2. Realmente existem os chamados analfabetos funcionais, lêem mas não conseguem entender ou interpretar o que leram, o Onyx foi claro, priorizar os médicos brasileiros e se houverem vagas, ai sim a contratação de médicos refugiados, achei excelente a idéia, perfeitamente cabivec para a situação presente

    • Sim é impressionante a preguiça de interpretar algo bem simples. A escala de prioridade está definida na frase, mas os preguiçosos de plantão não prestam atenção. Sim, de fato acho válida a oportunidade de ajudar essas pessoas sim, tendo em vista que um percentual enorme de médicos formados de forma nenhuma e por proposta nenhuma querem r para o meio do mato ajudar pessoas mais carente. Isso não há o que questionar, são filhinhos de papias com a vida ganha que não irão mesmo! Então deixem ajudar quem realmente pode ajudar!! Esses refugiados precisam de muita ajuda. A ideia é excelente sim.

  3. Perfeita iniciativa do Ministro, certamente alguns “médicos” cubanos queira se refugiar no Brasil, assim poderão continuar o trabalho que já exercem. Penso que devem passar por avaliações do Conselho de Medicina e com isso terem autorizações especificas para atuarem.

  4. Primeiro os de casa. está cheirando a petismo. Devemos invadir cuba e livrar o povo do comunismo. A Venezuela foi destruída por conta da infiltração cubana.O Brasil quase faliu por ajudar cuba e seus sequazes.

  5. E os médicos brasileiros que estão desempregados? ?? Ninguém dá uma chance pra eles?
    E os médicos brasileiros que se formaram em outros países, porque o estudo da medicina foi interrompido no governo lula/dilma, mas querem voltar. É bem mais justo dar prioridade aos brasileiros.

  6. São muitos médicos com formação no exterior que estão aguardando para trabalhar. Esse seria o momento de dar oportunidade para esses brasileiros. Todos aguardam ansiosos, pois até o exame Revalida está sendo dificultado. Os colegas que passaram na primeira fase, tiveram que ficar sem trabalhar por mais de 1 ano aguardando pela segunda fase. Isso é um desrespeito com esses profissionais por parte dessa classe política.

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.