Palocci desconfia que dólares apreendidos com ditador eram pra campanha do PT

Segundo informações dO Antagonista, Antônio Palocci foi consultado pela Polícia Federal no episódio da apreensão de U$ 16 milhões de dólares com Teodorin Obiang, vice presidente e ditador da Guiné.

Palocci, segundo a informação, afirmou ter ‘quase certeza’ que o dinheiro serviria para financiar ilegalmente a campanha já irregular do PT.

Palocci também lembrou que Lula sempre agiu como um intermediador entre as empreiteiras e o regime ditatorial africano, e que Obiang tinha um apartamento no mesmo condomínio de Emílio Odebrecht.

Siga-nos no Facebook

1 Comentário em Palocci desconfia que dólares apreendidos com ditador eram pra campanha do PT

Deixe uma resposta