Deltan espera que Carmén ajude a Lava Jato na 2ª Turma

O Procurador e coordenador da força-tarefa da Lava jato, Deltan Dallagnol, visitou a sede do Ministério Público Federal na Bahia e afirmou que Carmén Lúcia deve ajudar a Lava Jato na Segunta Turma do STF.

“Com a entrada da ministra Cármen Lúcia (na 2ª Turma do STF), a nossa expectativa, a nossa leitura é que esse placar seja invertido a favor da Lava Jato.”

Ele ainda afirmou que em 2017 e 2018, a corte acabaram por prejudicar a Operação com algumas de suas decisões.

“Dentre essas decisões, houve decisões de soltura, quando nós vemos requisitos para prisão preventina. E não só nós, mas também o juiz (de primeira instância, Sergio Moro), o tribunal de apelação (TRF-4) e o Superior Tribunal de Justiça (STJ). Nós vemos várias decisões em que casos foram tirados de Curitiba para remetê-los à Justiça Eleitoral ou outras jurisdições, quando vemos uma série de razões para ficarem em Curitiba. E vemos ainda uma série de solturas monocráticas proferidas em mais de 40 casos, afetando especialmente a Lava Jato do Rio de Janeiro e a Lava Jato paulista”.

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.