Impeachment de Dilma impediu que o ‘desembargador petista’ tivesse se tornado Ministro do STJ

O petista que foi nomeado desembargador por Dilma e armou aquele circo todo para tentar ajudar Lula a escapar planejou estar hoje no Superior Tribunal de Justiça, mas com o impeachment de Dilma teve que se contentar em continuar em Porto Alegre, veja o que diz o Diário do Poder:

Militante do PT por 20 anos, Rogério Favreto nunca foi conhecido exatamente pelo notório saber jurídico, mas tinha amigos. Advogado sabido, obteve do então ministro Tarso Genro (Justiça), seu chefe, a coordenação da Reforma do Judiciário. Era a chance de “pavimentar” o caminho para virar desembargador do Tribunal Regional Federal da 4ª Região. O objetivo final, conhecido de amigos, era o Superior Tribunal de Justiça (STJ). Mas havia um impeachment no meio do caminho.

Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

1 Comentário em Impeachment de Dilma impediu que o ‘desembargador petista’ tivesse se tornado Ministro do STJ

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.