Urgente: STF volta atrás e decide julgar pedido de liberdade de Lula em plenário

Após a decisão de Luiz Edson Fachin de arquivar o processo de Lula, dando continuidade à decisão do TRF-4, que encaminhou o processo ao STJ, a defesa de Luis Inácio Lula da Silva protocolou recurso contra a decisão do STF.

O ministro deu prazo de 15 dias para a PGR se pronunciar, e após isso, e provavelmente após o recesso do judiciário, quem deverá se pronunciar é Carmem Lúcia, presidente da Corte. Só então deverá ser divulgada a data, sendo muito improvável que aconteça antes de agosto.

Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

1 Comentário em Urgente: STF volta atrás e decide julgar pedido de liberdade de Lula em plenário

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.