Crivella proíbe “peça de teatro” que ofende cristãos ao retratar Jesus como transexual

O prefeito Marcelo Crivella afirmou, nesta quarta-feira, que não admitirá a exibição de espetáculos ou mostras que ofendam a religião das pessoas em espaços da prefeitura do Rio de Janeiro. Na semana passada, Crivella divulgou um vídeo nas redes sociais comentando a suspensão do suposto “espetáculo” chamado O Evangelho segundo Jesus, rainha do céu. A peça, que ofende a religião cristão, teve sua encenação na Arena Carioca Fernando Torres, no Parque Madureira, suspensa. Como Ancelmo Gois publicou em sua coluna no GLOBO, Cristo seria interpretado por uma atriz trans. A ideia é debochar da fé alheia.

Crivella afirmou:

Se você considera censura, eu vou dizer a você que é. É uma censura que garante os direitos de liberdade religiosa e das pessoas não serem ofendidas na sua liberdade religiosa. Não chamo isso de censura. Enquanto eu for prefeito, nos espaços públicos administrados pela prefeitura, nós não permitiremos qualquer manifestação que ofenda a religião das pessoas

Na segunda-feira, data da suspensão do espetáculo, a informou que a programação estaria suspensa há um mês, desde que o antigo gestor do espaço questionou na Justiça a licitação para a escolha do novo administrador. A decisão de interromper as atividades é do juiz Marcelo Martins Evaristo da Silva.

Uma das realizadoras do evento, Karla Suarez, informou que a organização do evento ainda está atrás de um espaço para receber a programação que aconteceria na Arena Carioca Fernando Torres. As atividades ao ar livre estão confirmadas.

Nesta quarta-feira, produtores da mostra “Corpos visíveis” se reuniram com as comissões de Cultura da Câmara Municipal e da Alerj. Nenhum representante da secretaria de Cultura ou do prefeito Marcelo Crivella estiveram presentes para atender o pessoal da “peça” que quer retratar Jesus sendo travesti.

Siga-nos no Facebook

1 Comentário em Crivella proíbe “peça de teatro” que ofende cristãos ao retratar Jesus como transexual

  1. Eu, como Cristão, aprovo totalmente a atitude do Prefeito, retratar Jesus como um “Travesti” sem ter conhecimento real é sim uma maneira de ofender a nós Cristãos. Por favor pessoal, tem tantas coisas a serem retratas para avacalhar, como por exemplo os nossos políticos corruptos, os Juízes do STF etc., tenham dó, procurem ter mais imaginação.

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.