Haddad é denunciado por crime eleitoral e pode ficar inelegível

Haddad, plano B do PT para as eleições presidenciais se complica ainda mais na Justiça.

Diz o Valor:

O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) foi denunciado nesta quinta-feira (10) por crime eleitoral.

A denúncia foi apresentada pelo promotor de Justiça Eleitoral Luiz Henrique Dal Poz por falsidade ideológica para fins eleitorais.

A acusação é decorrente de um fatiamento da “Operação Lava-Jato”. O delator da empresa UTC, Ricardo Pessoa, acusou Haddad de ter pedido contribuição para financiamento eleitoral no valor de R$ 3 milhões. O valor, de acordo com o delator, acabou negociado para R$ 2,6 milhões. Haddad governou São Paulo de 2013 a 2016.

 

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

error: