Justiça fixa multa de R$500 mil ao dia para grupos que não desocuparem entorno da prisão de Lula em Curitiba

Os grupos pró e contra Lula que ocupam as redondezas da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba terão que pagar multa diária de R$ 500 mil caso não desocupem o lugar, informa o Estadão.

“O despacho assinado pelo juiz substituto da 3ª Vara da Fazenda Pública, Jailton Juan Carlos Tontini, cita a Central Única dos Trabalhadores (CUT), o Partido dos Trabalhadores (PT/PR) e o Movimento Brasil Live (MBL).”

Os manifestantes descumpriram ordem do juiz Ernani Mendes Silva Filho, do ultimo domingo, 8, a pedido da Prefeitura de Curitiba para que “os réus se abstenham de transitar nas áreas”, “não impeçam o trânsito de pessoas e coisas”, “bem como se abstenham de montar estruturas e acampamentos nas ruas e praças da cidade”.

Cerca de 500 militantes contratados do MST estão acampados na Região gerando transtorno para a vizinhança.

 

Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

2 Comentários em Justiça fixa multa de R$500 mil ao dia para grupos que não desocuparem entorno da prisão de Lula em Curitiba

  1. PORQUE SUA EXCELENCIA NÃO DECRETA A PRISÃO DESSE BANDO DE
    TERRORISTAS VAGABUNDOS,POIS SÃO TODOS MARGINAIS, NINGUEM TEM
    OCUPAÇÃO, NINGUEM TRABALHA, ENTÃO O LUGAR DE MARGINAL VAGABUNDO
    É A CADEIA.

1 Trackbacks & Pingbacks

  1. MST bate em retirada de Curitiba devido a frio intenso (Veja o Vídeo)

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.