Suplicy: promessa de ir com Lula à prisão foi “força de expressão”

A Jovem Pan informa que o ex-senador petista recuou e não vai mais pra cadeia em solidariedade a Lula

Após se colocar à disposição para acompanhar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva  quando este for preso, o vereador Eduardo Suplicy (PT) minimizou as palavras.

Ao chegar no prédio do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC em São Bernardo do Campo (SP) neste sábado (7), Suplicy foi questionado pelo repórter Jovem Pan Caio Rocha se mantinha a intenção.

“Isso foi uma força de expressão” para mostrar que “não apoiamos” a prisão do ex-presidente, afirmou Suplicy. “Estaremos sempre juntos”, garantiu, no entanto.

 

Confira a promessa de Suplicy dias atrás:

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.