Alckmin elogia STF: “juízes extremamente tarimbados”

Geraldo Alckmin e Luiz Inácio Lula da Silva.

Após o STF (Supremo Tribunal Federal) adiar para o dia 4 de abril o julgamento do mérito do habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o governador Geraldo Alckmin (PSDB), pré-candidato à Presidência, afirmou não ver pressão sobre a Corte a fim de que o recurso seja julgado com rapidez.

“Não acho que haja pressão. O juiz de suprema corte é extremamente tarimbado, experiente, vai julgar de acordo com a lei e com o interesse público”, disse.

A decisão dos ministros deu tempo a Lula, à medida que, além de adiar o julgamento do mérito do HC para até 4 de abril, também concedeu uma liminar ao petista impedindo que ele seja preso até lá.

Alckmin é citado com o codinome de ‘santo” nas planilhas de propinas pagas pela empreiteira Odebrecht, descobertas nas investigações da Lava Jato.

 

Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.