Viagem de Zeca Dirceu e mais 11 petistas ao julgamento em Porto Alegre foi bancada com dinheiro público

Segundo levantamento feito pelo Estadão, a viagem de e a hospedagem dos petistas que foram a Porto Alegre em janeiro, durante o julgamento de Lula no TRF-4, foram bancadas com dinheiro público.

Os 12 parlamentares que estiveram no local, em período que era de recesso parlamentar, pediram reembolso das despesas que totalizam pelo menos R$ 21.600.

Isso não é só imoral, mas é ilegal. A atividade do dia do julgamento de Lula não tinha nenhuma relação com qualquer atividade parlamentar. Não era uma viagem de interesse público sequer.

Será que as autoridades vão apurar isso ou vai ficar assim mesmo?

Com informações do Blog Ceticismo Político

Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.