“Homem que mudar os documentos depois de cometer crime, vai pro presídio feminino?”, questiona Ana Paula do Vôlei

A campeã olímpica de vôlei Ana Paula questionou as consequências da decisão do STF de permitir a troca de nome e sexo sem qualquer requisito: “Tenho só uma perguntinha, STF, nada muito grave, mas homem que mudar os documentos depois de cometer crime, vai pro presídio feminino? Poderá pedir prisão domiciliar se tiver filhos até 12 anos?”.

Siga-nos no Facebook

1 Comentário em “Homem que mudar os documentos depois de cometer crime, vai pro presídio feminino?”, questiona Ana Paula do Vôlei

Deixe uma resposta