Lula ofende Dallagnol e chama o Judiciário de “quadrilha”

O ex-presidente Lula aproveitou a festa de comemoração do aniversário do PT para atacar o Ministério Público e a Justiça Federal.

Inconformado com a sua situação criminal, o ex-presidente mais uma vez atacou o procurador da República Deltan Dallangnol, a quem classificou como ‘um menino, que a única proeza foi se formar em direito e prestar um concurso, depois de 3 anos estudando às custas do pai’.

Na sequência Lula disse que não podia admitir que esse ‘menino’ o chamasse de ‘ladrão’.

Com relação ao Poder Judiciário, Lula após afirmar que o PT não era uma ‘quadrilha’, classificou como ‘quadrilha é quem tem auxílio moradia’

A militância, insana e cega, vibrava, delirava e em alguns momentos lembrou de outros ‘heróis’ como José Dirceu e José Genoíno, cantarolando o hino ‘guerreiro do povo brasileiro’.

Com informações do Jornal da Cidade

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta