Raquel Dodge entra com ação no STF contra o voto impresso

Raquel Dodge ajuizou hoje no Supremo ação de inconstitucionalidade contra a reintrodução do voto impresso nas eleições de outubro próximo, informa o site jurídico Jota.

A PGR alega que, “ao determinar a impressão do voto no processo de votação eletrônica, a norma legal enfrenta o direito fundamental do cidadão ao sigilo do voto, inscrito no artigo 14 da Constituição”.

A lei eleitoral determina que, “no processo de votação eletrônica, a urna imprimirá o registro de cada voto, que será depositado, de forma automática e sem contato manual do eleitor, em local previamente lacrado”.

Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.