Evo Morales recua e suspende criminalização das igrejas

Após mais de um mês de protestos, marchas, conflitos com a polícia, e campanhas de oração, o presidente deu uma entrevista neste domingo na televisão da Bolívia, onde afirmou: “Para evitar que a direita use o Código para desestabilizar o Estado, decidimos revogar todo o Código Penal”.

Morales enviará o pedido formal à Assembléia Legislativa para suspender completamente o Código de Sistema Penal e evitar que haja mais protestos. Ele afirmou que ouviu “a preocupação das organizações sociais” e decidiu tomar a decisão, “para evitar a confusão e o medo baseado em mentiras nas redes sociais”. Na prática, ele recua para tentar no futuro retirar as Igrejas do país quando sua ditadura estiver mais fortalecida.

Nas últimas semanas, grande parte da sociedade boliviana vinha protestando contra as limitações das liberdades individuais, pois o governo de Morales impunha censura à imprensa e, na prática, criminalizava atividades da igreja como a evangelização.

Siga-nos no Facebook

1 Comentário em Evo Morales recua e suspende criminalização das igrejas

  1. Espero que o povo aprendi de uma vez por todas, qual é a verdadeira intenção desses ditadores socialistas eles estão deixando claro para o mundo todo quais são as intenções e as suas formas de governar !acordam povo de Deus! Isso é somente um paliativo! Não se esqueçam! Os inimigos de Deus, eles vem matar roubar e destruir! Eles não gostam de houvir à verdade! Ficam atentos! Os inimigos de Deus não desistem fácil, o povo de Deus tem que ser simples como a pomba, e prudente como a serpente, e sempre estar firmes confiantes em Deus. Por que os olhos do senhor estão comtenplando os maus e os bons .orai e vigiai!

Deixe uma resposta