Gleisi com medo recua de discurso terrorista e diz que foi só “força de expressão”

A presidente do PT ameaçou resistir a eventual prisão de Lula. Em um ato de afronta à justiça, a senadora disse que iria “ter que matar muita gente para prender Lula”. Porém, com a repercussão e o medo de um processo de cassação, ela recuou e disse que sua ameaça ao povo brasileiro e a à justiça foi só “força de expressão”, confira:

Gleisi também é ré na operação Lava Jato. Seu codinome segundo a planilha da Odebrecht é “amante”. Seria também força de expressão?

Siga-nos no Facebook

11 Comentários em Gleisi com medo recua de discurso terrorista e diz que foi só “força de expressão”

  1. Quantas provas Gleisi e Petistas querem contra o Lula?
    Para nós, o povo, já está farto de tantas e tantas provas. Só falta o próprio criminoso Lula falar a verdade. Isso ele nunca fez.
    Espero que ele seja condenado (mais uma vez) e que pague pelos crimes dele. Isso também servirá de exemplo para tantos que entram na política e pensam estar acima da lei.

  2. Ela ficou foi com medo, e não é pra menos, agora ela também é traiçoeira, não acredito que tenha se enganado ou dito sem querer, ai tem..que a policia fique de olhos abertos, e sempre perto..esta mulher não vale o que come, e não é o povo que ama tanto o LULA…é ela mesma..safada

  3. Se ele declara, por 5 anos, o apartamento triplex, no seu imposto de renda, acha que somos idiotas? Porque ele, não explica porque declarou o que “não era dele”?

  4. Essa fulana expõe uma aberração dessas, ofendendo nossa sociedade e desrespeitando a decisão judicial, depois por medo de ser cassada, recua na cara de pau e fica por isso mesmo? Era não só para ela ser cassada, como também responder criminalmente por ameaça, instigação ao crime, etc.

    Não fale pelo povo, fale por um pequeno grupinho esquerdopata que quer ganhar à base da força e discursos medíocres negando tudo, inclusive as nítidas provas, e culpando a todos. Comportamento ridículo e ninguém acredita mais nesse conto do pato, só esse grupinho pequeno de militantes alienados que não representa nem 1/3 da sociedade brasileira.

Deixe uma resposta