Brasil irá expulsar embaixador da Venezuela

Itamaraty finalmente responde

O Ministério das Relações Exteriores informou nesta terça-feira (26) que irá declarar “persona non grata” o encarregado de negócios da Venezuela no Brasil, Gerardo Antonio Delgado Maldonado. Na prática, com a medida do Itamaraty, ele terá de deixar o país. A informação é do G1.

A declaração de “persona non grata” a Maldonado acontece três dias após a Venezuela ordenar a expulsão do embaixador do Brasil no país, Ruy Carlos Pereira. Ou seja, demorou. Mas, enfim, aconteceu. Procurada, a Embaixada da Venezuela em Brasília informou que somente se pronunciará sobre o assunto nesta quarta (25).

Segundo o governo, Maldonado é o atual representante da Venezuela no Brasil porque em maio de 2016 o presidente Nicolás Maduro mandou o embaixador, Alberto Castellar, retornar a Caracas.

A medida do ditador Maduro foi tomada logo após a então presidente Dilma Rousseff ser afastada do mandato em razão do processo legal de impeachment – o governo venezuelano se posicionou contra o processo de maneira anticivilizacional, como de costume nas ditaduras.

 

Contribua com o trabalho da República de Curitiba: clique aqui

Siga-nos no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

error:
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.